quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Adiada mais uma vez a audiência que decidiria cassação do prefeito de Raposa.

Mais uma vez, a audiência que decidiria sobre a cassação ou não do prefeito do município de Raposa, Clodomir de Oliveira dos Santos (PRTB), foi adiada.
A votação não ocorreu, conforme prevista para esta tarde de terça-feira (3) no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, em São Luís, por conta da falta não justificada do desembargador Raimundo Barros.

No início da tarde, por volta das 14 hs, o prefeito teria ido ao TRE acompanhar de perto a decisão, de posse uma mala, respirando alegria.

A grande revolta da população com o prefeito Clodomir é a falta de pagamento da folha do funcionalismo público. Mas existem outros motivos que tornaram a sua administração desastrosa e corrupta, como por exemplo a compra de votos na época da campanha eleitoral. Por este, e outros motivos, Clodomir já deveria ter sido cassado.

A votação foi remarcada para a próxima segunda-feira (9).
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário